Destaque

Concursos 2015 Tenders  
 Provedor Serviços
 Service Provider
 Fornecimento Kit´s  Kit Provider
Projecto PRONEA - PSP



  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator

PEDSA


Juntos no Combate a Fome

  e

Garantia da Segurança Alimentar


PEDSA

Clique aqui para baixar



PRESIDENTE DA REPÚBLICA, Filipe Jacinto Nyusi Trabalha no Ministério da Agricultura e Segurança Alimentar e deixa Orientações PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

umb26umb18O Presidente da República, cumpriu a jornada de trabalho, legislado na Função Pública Moçambicana, que estipula 8 horas de trabalho por dia, escalando os empreendimentos ligados a agricultura no Distrito de Boane a cerca de 30 quilómetros do Gabinete de Trabalho, onde foi interagir com os percursores do desenvolvimento agrário.

A visita tinha como objectivo solidarizar-se com os que garantem a produção e produtividade agrária tendo em conta a responsabilidade que esta máquina tem para garantir a segurança alimentar no País e contribuição na balança de pagamento através das exportações.

A recepção de Sua Excelência aconteceu no Centro Internacional de Transferência de Tecnologias Agrárias no Umbelúzi, onde vários grupos culturais abrilhantaram a chegada do Presidente da República e representantes do Ministério da Agricultura e Segurança Alimentar e Governo da Província de Maputo, ao alto nível esteve representado.

Filipe Nyusi, visitou sucessivamente um produtor singular de nome Xadreque Mutemba, que produz entre outras culturas verduras diversas, hortícolas, fruticultura da manga e numa fase inicial a criação de frangos na perspectiva do Programa Intensivo de Transferência de Tecnologias Agrárias – PITTA, levado acabo pela Direcção Nacional de Extensão Agrária no MASA.

Outro local visitado por Sua Excelência o Presidente da República, foi a Empresa Bananalândia que está a desenvolver tecnologias de pontas de produção da banana e que conquistou o mercado nacional, regional e internacional pela sua qualidade e capacidade de produção. Seguidamente o Presidente da República visitou os campos de experimentação de hortícolas, arroz e milho numa parceria entre Ministério da Agricultura e Segurança Alimentar, Ministério da Ciência e Tecnologia e o Governo da República Popular da China.

Continuar...
 
Na Abertura da Primeira Reunião de Mecanização Agrária PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

nmaa01

Dirigindo-se aos participantes, o timoneiro da Agricultura e Segurança Alimentar, José Pacheco, referiu que a realização da primeira Reunião Nacional de Mecanização Agrária, no Município da Namaacha no dia 5 de Março de 2015, constitui um momento previlegiado para reflexão coordenada entre os vários intervenientes da cadeia produtiva agrária sobre o que considerou, o nível de desempenho da produtividade agrária, a sustentabilidade do processo produtivo com base na tecnologia actualmente utilizada predominantemente baseada na enxada de cabo curto e ainda a importância da mecanização na actividade pós-colheita, processamento e conservação de produtos agrários.

Por outro lado, é também uma ocasião de partilha, análise e aprimoramento dos instrumentos de orientação estratégica e de operacionalização dos cinco pilares consubstanciados no Plano Estratégico para o Desenvolvimento do Sector Agrário e do respectivo Plano de Investimentos (PEDSA).

Exortou aos participantes para que as Discussões sobre a mecanização fossem alinhados numa perspectiva macro desde a preparação de terra, sementeira, sacha, rega (com moto/electrobombas), colheita, processamento, empacotamento, conservação, transporte dos campos de produção, até a distribuição e/ou comercialização.

Continuar...
 
Programa Nacional de Investimento do Sector Agrário Mobiliza Recursos em Equipamentos Diversos do Governo Brasileiro PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

nmaa05Setina Titosse, PCA do Fundo de Desenvolvimento Agrário referiu que, no âmbito do Programa Nacional de Investimento do Sector Agrário - PNISA foram mobilizados recursos com o Governo Brasileiro avaliados em cerca de 3.318.338.290,00Mt em equipamentos diversos incluindo a assistencia técnica. Do montante acima referido será desembolsado em três tranches de valor por um período de vigência de 15 anos cujo período de diferimento deve acontecer dentro de cinco anos a taxa de juros 0,5% ano, durante a apresentação do Programa Nacional de Mecanização, no Município da Namaacha, Província de Maputo.

Em termos de compromissos assumidos entre os Governos de Moçambique e do Brasil o processo de montagem, revisão dos equipamentos e entrega técnica poderá acontecer em território nacional assim como a entrega dos kits  de reposição de peças de maior desgaste durante o período de garantia. No entanto a capacitação e treinamento de maquinistas, mecânicos será feita em Moçambique e no Brasil, como também foram assumidos compromissos de prestação de serviços pós-venda (assistência técnica e venda de peças e acessórios).

 

Programa Nacional de Mecanização

Mecanismos de Operacionalização de Parques de Máquinas

 

Continuar...
 
Armando Emílio Guebuza, Orienta as Cerimónias Centrais do Lançamento da Campanha Agrária na Província de Tete PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

pr06pr07Sua Excelência Armando Emílio Guebuza, na qualidade de Presidente de República, orientou no passado dia 05 de Outubro de 2014, na Comunidade de Cateme, Distrito de Moatize, as cerimónias centrais do lançamento oficial da Campanha Agrária 2014/2015 com réplicas em todas Províncias de Moçambique. A chegada na Comunidade de Cambulatsitsi, Cateme, o Presidente da República foi recebido na machamba do agricultor Orlindo Vareta, vencedor do prémio de "Melhor Produtor" na campanha agrária 2013/14, tendo na ocasião o produtor informado das actividades desenvolvidas na sua machamba, como estímulo do prémio ganho por este agricultor. De seguida o Presidente da República procedeu ao plantio de árvore e cumprido a cerimónia tradicional, onde foram evocados os espíritos para trazerem muita chuva para a comunidade de região de cambulatsitsi, e visitou a esposição agropecuária, preparada para esta data.

 

Na sua intervenção, referiu que a agricultura é e continuará a ser a base de desenvolvimento económico de Moçambique por tratar-se de um sector que emprega cerca de 80% da força de trabalho e contribui com 25% do PIB e com isso constitui também a mais importante fonte de matária prima para a indústria. Por outro lado destacou que a agricultura tem estado no centro do crescimento médio da economia nacional de 7% ao longo de mais uma década e meia, a título de exemplo, na campanha agrária 2012/2013 a contribuição do sector da agricultura crescei em 5,1% e na campanha seguinte, portanto 2013/2014, estima-se uma subida para 11%, isto que significa que rondará acima de 7% almejada no PEDSA e mecanismos adoptado para implementação da Revolução Verde.

 

Continuar...
 
MINAG Homenageia Presidente da República com Título de Campeão da Revolução Verde PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

pr01Em reconhecimento do papel que o Presidente da República desempenhou no desenvolvimento do sector agrário em Moçambique, com destaque para os programas, projectos e planos, bem como incentivos e intervenções certas, as consideradas visionárias e iluminadas por si orientadas para o aumento de produção e produtividade agrária e integrada que incluía a produção de alimentos, nomeadamente cereais e leguminosas, oleaginosas, raízes e tubérculos, pecuária de entre bovinos, caprinos, ovinos, suínos e galináceos, a gestão sustentável da flora e fauna, bem como a produção de produtos de exportação como o algodão, caju e o açúcar e ainda a transformação desses produtos para que sirvam aos interesses nacionais e internacionais de forma acrescentada.

 

Sublinhou ainda que Moçambique com a direcção de Sua Excelência Presidente da República destacou as culturas de feijão  que atingiu o mercado da índia, bem como o gergelim na China e Japão, a banana para alguns países de África, Médio Oriente e o Japão e das florestas, acrescentando-se o valor comercial dos produtos florestais, nomeadamente os parques, portas, janelas, mobiliário de qualidade competitiva nos mercados nacionais, regional e internacional.

Continuar...
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 Seguinte > Final >>

Pág. 1 de 6

Pesquisa

  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator

Inquérito

O que acha do nosso site?
 

Prémio aos Melhores

Produtor, Investigador, Extensionista, Mulher e Jovem

"Pela Produtividade Agrária, Segurança Alimentar e Nutricional e Produção de Riqueza"

premio_melhores2014

Você Poderá ser o Próximo Premiado!

Regulamento - Prémio Agricultura Para Jornalistas - 1ª Edição

Notícias

A Direcção Nacional de Extensão Agrária Discute Melhoria dos Serviços em África

A DNEA realizou entre os dias 18 e 19 de Fevereiro passado um seminário sobre os Serviços de Extensão e Assistência Técnica em Moçambique, cujo objectivo do encontro visou o fortalecimento dos serviços de extensão e assistência técnica agrária e partilhar acções desenvolvidas para o estabelecimento de um Fórum Nacional sobre os Serviços de Extensão e Assistência Técnica Agrária.

Veja:

Experiências do AFAAS

Estabelecimento de Plataformas Nacionais

Ler Mais
beylikduzu escort

Copyright © 2015 Ministério da Agricultura - Desenvolvido pelo CIUEM