atasehir escort maltepe escort pendik escort maltepe escort alanya escort antalya escort konya escort tuzla escort kartal escort Vice-Ministro da Agricultura Visita Laboratório da Mosca em Manica
zengin dul bayanlar zengin jigolo eskisehir escort Escort Antalya ankara escort ankara escort jigolo sitesi
Vice-Ministro da Agricultura Visita Laboratório da Mosca em Manica PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

lab01Entretanto, o Vice-Ministro da Agricultura congratulou os produtores pela paciência que estes demonstraram, bem como o envolvimento de todos os quadros que se dedicam na investigação embora os objectivos de cobrir todas as fruteiras que ainda não foram atingidas. Do lado da banana, já se pode dizer com muita satisfação que os resultados são encorajadores. O sector da manga ainda continua em análise cujos resultados ainda não foram concluídos havendo ensaios em curso para se identificar mecanismos de isentar a manga da praga.

 

 

 

Sua Excelência Vice-Ministro da Agricultura, António Limbau, visitou em Abril do ano em curso as infraestruturas do Laboratório da Mosca da fruta na sua fase final de implantação, com objectivo de se inteirar dos trabalhos desenvolvidos peloslab02 técnicos a trabalhar naquele local, tendo a explicação dada ao dirigente do MINAG, impressionado a delegação que o acompanhava.

De referir que o programa de construção deste empreendimento teve início em Janeiro de 2013, orçado em cerca de 6 milhões de meticais, financiado pelo Projecto de Desenvolvimento de Irrigação Sustentável-PROIRRI.

No final da visita, o Vice-Ministro da Agricultura, destacou o papel desempenhado pelos quadros, o Governo de Manica, a Direcção Provincial de Agricultura, Direcção Nacional dos Serviços de Veterinária e a Universidade Eduardo Mondlane, este último com o qual desde a notificação da praga, tem vindo a trabalhar em conjunto com o MINAG e os resultados, segundo o Vice-Ministros são notórios e positivos.

Fazendo uma retrospectiva, o ViceMinistro referiu que a primeira notificação da praga aconteceu na Província de Niassa, tendo no entanto iniciado o desenvolvimento de inimigos naturais que foram disseminados a partir da Província de Cabo Delgado e sucessivamente foram montados focos na Zona Centro, mais concretamente na Província de Manica, através do Laboratório da Mosca.

A par desta, foram também desenvolvidas acções para encontrar medidas de outros elementos que podiam mitigar a situação como é o caso do trabalho realizado na Zona de Concentração do Ananás no Disrito de Muxungue que resultou na liberalização da circulação desta fruta e depois foi desenvolvido um trabalho específico para a cultura da banana cujo o impacto foi muito forte devido a densidade dos níveis de produção da Província de Manica.

O trabalho consistiu num estudo de verificação se a praga tinha influência na fruta da banana ainda no estado verde cujos resultados foram satisfatórios ao concluir que a praga não causava nenhuma implicação sanitária, de realçar que as restrições começavam do vizinho Zimbabwe e mesmo internamente haviam situações de quarentena doméstica em relação a movimentação do produto duma região para a outra.

Actualmente a situação está melhorada, os produtores já podem levar a banana tanto para o Zimbabwe, Zona Sul do País entre outros lugares, tendo criado condições para o surgimento de alguns mercados preferenciais, podendo os produtores decidir para onde queiram colocar a sua produção.

Em relação ao equipamento previsto para o Laboratório, António Limbau referiu que todo equipamento já se encontrava no local e o mesmo que está a produzir os resultados que estão a ser divulgados, contudo, esta infraestrutura precisa de um apetrechamento em recursos humanos não obstante as qualidades por excelência do trabalho produzido daquele ponto.

O programa do MINAG é continuar a mobilizar mais técnicos para formar um batalhão mais forte de modo a responder não só o problema de Manica mas sim, do País em geral, tendo destacado que a área de sanidade vegetal é de extrema importância para o País.

 

Pesquisa

Imagens de campos

  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator

Prémio aos Melhores

italia02w

Moçambique distinguido pela FAO

"Pela Produtividade Agrária, Segurança Alimentar e Nutricional e Produção de Riqueza"

premio_melhores2014

_mg_8428v1

Você Poderá ser o Próximo Premiado!

Regulamento - Prémio Agricultura Para Jornalistas - 1ª Edição

Regulamento - Prémio Agricultura  para Jornalistas - 2ª Edição

Inquérito

O que acha do nosso site?
 

Notícias

capacitar técnicos Moçambiçanos em matérias de agroprocessamento

No quadro dos esforços que a DNEA (Direcção Nacional de Extensão Agrária) tem estado a desenvolver para responder estes desafios e através das relações de cooperação entre Moçambique e Japão, uma equipa composta por dez (8) técnicos do MASA, sendo um (1) da DNEA e sete (7) das províncias de Maputo, Gaza, Tete, Zambézia, Niassa, Cabo Delgado e Nampula, iram participar num curso de Desenvolvimento Rural pela Promoção Agrícola, entre os dias 12 de Agosto a 20 de Setembro do ano em curso, no Japão.

Ler Mais  
Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi encoraja Chefes de Postos Administrativos a integrar em múltiplas tarefas de desenvolvimento local, bem como assegurar o desenvolvimento da agricultura de forma integrada com recurso a novos métodos e técnicas

No âmbito da visita Presidencial, que Sua Excelência, Filipe Jacinto Nyusi, Presidente da República de Moçambique, efectuou entre os dias 24 a 27 e de 28 a 31 de Julho de 2015 às Províncias de Manica e Tete respectivamente.

Extraido do Relatório de Visita do Chefe de Estado a Manica e Tete, apresentado na 21ª Sessão Ordinária do Conselho Consultivo do MASA

Ler Mais  
Parceiros da Cadeia de Produção da Banana discutem a Problemática da Doença do Mal de Panama

Instituto de Investigação Agrária de Moçambique em colaboração com a Direção Nacional de Agricultura e Silvicultura Reunem Parceiros da Cadeia de Produção da Banana sobre a doença do Mal de Panamá na Banana em Moçambique no Hotel VIP em Maputo no dia 13 de Agosto de 2015

Ler Mais  
Direcção Nacional dos Serviços Agrários Reunido na sua Nona Reunião Técnica

A Direcção Nacional dos Serviços Agrários do Ministério da Agricultura e Segurança Alimentar está reunida no Município de Moatize, Distrito do mesmo nome, Província de Tete na sua Nona Reunião Técnica Anual.

O encontro decorre de 08 a 10 de Julho, sob o Lema: Pela produtividade agrária, segurança alimentar e geração de riqueza, cujo propósito fundamental é de reflexão, harmonização e alinhamento dos mecanismos de implementação e operacionalização para a prossecução dos programas, planos e projectos do PEDSA/PNISA, com enfoque para o aumento da produção dos produtos agrícolas estratégicos, nomeadamente: arroz, hortícolas, mandioca, batata-reno, bem como algumas culturas de rendimento emergentes, como é o caso da cadeia de sementes, mecanização agrária, gestão de fertilizantes e aspectos fitossanitários.

Ler Mais  
A Direcção Nacional de Extensão Agrária Discute Melhoria dos Serviços em África

A DNEA realizou entre os dias 18 e 19 de Fevereiro passado um seminário sobre os Serviços de Extensão e Assistência Técnica em Moçambique, cujo objectivo do encontro visou o fortalecimento dos serviços de extensão e assistência técnica agrária e partilhar acções desenvolvidas para o estabelecimento de um Fórum Nacional sobre os Serviços de Extensão e Assistência Técnica Agrária.

Veja:

Experiências do AFAAS

Estabelecimento de Plataformas Nacionais

Ler Mais  
beylikduzu escort

Copyright © 2018 Ministério da Agricultura - Desenvolvido pelo CIUEM
hacklink hacklink satış wso shell wordpress free themes kalça büyültme hacklink/a> elektronik sigara Google