MINAG Lança Campanha de Reflorestamento em Lichinga, Província de Niassa Versão para impressão

dntf08dntf09A margem da realização do VII Fórum de Consulta de Terras, os participantes dedicaram um tempo para o plantio de árvores numa área de 3 hectares na Floresta Mini Cabora, localidade de Matama, arredores da Cidade de Lichinga. Foram igualmente entregues quites de instrumentos agrícolas aos Senhores Governadores de Cabo Delgado, Zambézia, Manica e Tete num acto simbólico.

Referiu que o lançamento da campanha de reflorestamento que todos testemunharam, realiza-se sob o Lema "Por Plantações Florestais Sustentáveis com Benefícios Económicos, Sociais e Ecológicos", tendo como objectivo promover o plantio de árvores para suprir as necessidades económicas e sociais que advêm do recurso "floresta" e sobretudo para preservar o ambiente e o acervo cultural que está presente nas florestas, tendo destacado que é da floresta que se extrai a lenha, a madeira para diferentes fins, plantas medicinais, bem como o oxigénio para a purificação do ar que os seres humanos respiram, devendo por isso ser protegida.

 

Sua Excelência, Ministro da Agricultura, José Pacheco, dirigindo-se aos presentes, começou por comunicar a informação trágica da morte do Ex-Presidente da África do Sul, Nelson Mandela, tendo enaltecido o papel deste herói na luta por igualdades sociais na RSA que culminou com a atribuição do Prémio Nobel da Paz entre outras distinções e na ocasião foi plantado uma árvore para imortalizar os feitos de Nelson Mandela.

 

Na ocasião, o Ministro da Agricultura, destacou também os instrumentos levados acabo pelo Governo, nomeadamente o Plano Estratégico de Desenvolvimento do Sector Agrário (PEDSA) e o respectivo Plano Nacional de Investimento (PNISA), visando promover o aumento da produção e produtividade para garantir a segurança alimentar e nutricional no País através da transformação da agricultura predominantemente de subsistência para uma agricultura orientada para o mercado e o uso sustentável dos recursos naturais, nomeadamente: a terra, água floresta e fauna bravia desempenha um papel importante.

Sublinhou ainda, que o estabelecimento de plantações florestais é parte integrante de um dos pilares do PEDSA e tem em vista a operacionalização do Plano de Acção para o Reflorestamento para dum lado assegurar a sustentabilidade ambiental, redução dos efeitos de diminuição de gases de estufa no ambiente tendo em vista a mitigação dos efeitos das mudanças climáticas, bem como o aumento do volume das exportações florestais com valor acrescentado, aumento da renda das comunidades rurais através da criação de postos de trabalho e por outro lado fazer de recursos florestais uma fonte de rendimento sustentável, contribuindo desta feita para a redução da pobreza.dntf10